sexta-feira, 6 de abril de 2012

VELOCIDADE = ACIDENTE



Mulher dirige carro em alta velocidade e mata três pessoas em Fortaleza.

video


Motorista em alta velocidade invade pista contrária e mata dois em SP

video

Pra inicio de conversa, VELOCIDADE MATA! E não há dúvidas quanto a isso.

Quando não mata, deixa sequelas graves. (exemplos de amputações, problemas neurológicos, paraplegia e/ou tetraplegia.)

Por conta disso, a fiscalização sobre o controle da velocidade evita muito mais acidentes graves.

A maioria dos acidentes, tendo bebida ou não estão relacionados a velocidade.


Acidente a 190 km/h mata dois jovens na Ponte Rio-Niterói



A combinação entre alta velocidade e falta do cinto de segurança resultou em tragédia, na madrugada deste sábado, na Ponte Rio-Niterói. Dois jovens morreram após o Golf preto placa LPU 2389, modelo 2011, se chocar contra a mureta do vão central e capotar. Os peritos do Instituto de Criminalística Carlos Éboli (ICCE) atestaram que o veículo estava a 190 km/h no momento do acidente, que aconteceu no sentido Niterói.


Em Vitória em 2011 duas amigas foram mortas por conta da alta velocidade misturada com bebida e vida noturna.


Estudante e amiga morrem após serem atropeladas em frente à Ufes



video

"O excesso de velocidade é o maior causador de acidentes e acidentes graves nas rodovias federais do Espírito Santo"

Enfim, tá mais que comprovado que velocidade interfere na segurança do trânsito.

"Um dos principais motivos para os acidentes é o excesso de velocidade."

"O condutor deve lembrar que na estrada ele é responsável pela sua própria vida, mas também de todos os outros que passam pelas estradas. É importante que as pessoas sejam responsáveis em todos os pontos das rodovias e não somente onde tiver fiscalização."
(Inspetor da PRF Wylis Lira) Fonte: aTRIBUNA

Mais reportagem sobre acidentes pela alta velocidade
clique aqui