segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

MANUAL DO INSTRUTOR DE TRÂNSITO

O Professor Alexandre Basileis atualizou mais um de seus livros coma nova lei 13.2081/2016 e resoluções pertinentes as atividade do Instrtutor

      você sabia que:


Assim como profissionais de outras áreas (advogados, Engenheiros, Médicos, arquitetos, psicológos etc) tem competência e habilidade legal para apresentar pareceres referentes a suas especializações, o instrutor de trânsito é o profissional competente para emitir pareceres sobre o trânsito, de forma a simplificar e aperfeiçoar o sistema de trânsito? ´

Pelo texto dado pela Lei 12.302/2010, as Câmaras Temáticas, que estão ligadas ao Contran e são constituídas de especialistas e têm como objetivo estudar e oferecer sugestões e embasamento técnico sobre o sistema de trânsito e que constituída por especialistas representantes de órgãos e entidades executivos da União, dos Estados, ou do Distrito Federal e dos Municípios e de especialistas representantes dos diversos segmentos da sociedade relacionados com o trânsito, deve ter um especialista representante à categoria dos instrutores de trânsito como representante da classe profissional e que tem capacidade técnica comprovada e baseada em lei.

Apesar de ser uma profissão ligada a uma autarquia ou órgão do executivo de trânsito do Estado, o instrutor exerce a sua função nos municípios e conhecem muito bem suas ruas, avenidas, meios que podem melhorar e muito ao trânsito local. Escutar, estes profissionais por meio de sindicato ou associação em fóruns, congressos ou até mesmo em seminários e cursos, é uma forma de gestores públicos conhecerem o trânsito de sua cidade, como simplificado acima, deve este profissional ter sua representação nas Câmeras Temáticas, no caso por sindicato ou associação de Instrutores de Trânsito


ficou interessado sobre a profissão do Instrutor de Trânsito? 

clique na imagem abaixo e adquira o livro num preço especial