domingo, 3 de março de 2013

CONDUÇÃO TEMERÁRIA

O que é comum em muitos países da Europa e nos Estados Unidos da América do Norte, a condução temerária é uma tendência  para inibir certas condutas nocivas no trânsito, para que os índices de violência viária, sejam de alguma forma, reduzidos.

Na Espanha, termos utilizados no Código Penal para referir aos "acidentes de trânsito" tais como (imprudencia de tráfico) que segundo o advogado José Pérez é "aquella conducta del conductor que ha vulnerado normas del Código de Circulación produciendo daños corporales a terceras personas” e (violencia vial) que segundo o advogado são "aquellas conductas agresivas que ponen en riesgo al resto de usuarios de la vía” e ainda segundo o próprio advogado, acidentes de trânsito seriam “aquellos hechos donde el conductor no ha cometido infracción a la normativa y, si existen daños corporales, son imputables al riesgo de la circulación”.

Um exemplo de condução temerária é o que a Psicóloga expert em Filosofia da Moral LILIAN BERMEJO relata sobre uma motorista que, depois de ser assaltada, realiza uma perseguição aos assaltantes que estão de moto que cai na frente dela que não consegui parar a tempo e passa por cima do ladrão o qual entra em óbito. (lo cierto es que la mujer no era policía, no estaba facultada para conducir así y su conducción, presumiblemente temeraria, debe ser 
sancionada como tal.)



O Jornalista americano Tom Vanderbilt em seu livro "Traffic" diz que "a maior parte dos acidentes envolvem uma violação das regras de trânsito, intencionalmente ou não" Ainda segundo Tom Vanderbilt "Acidente é uma boa palavra para descrever eventos como que ocorre quando um condutor não é capaz de evitar uma colisão quando repente uma árvore cai no meio da estrada. "

No Brasil,  a elaboração do Novo Código Penal visa a culpa gravíssima ou temerária onde o agente não assume o risco mas, agiu com temeridade. porém, esse termo no Brasil está relacionado somente ao crime de trânsito e principalmente ao ato de beber e dirigir, não sendo, como no caso de outros países, que aderiram o termo para  simples conduta.

Para uma significativa redução de "acidentes de trânsito" é necessário que se mude conceitos, consciência e que haja fiscalização efetiva. O problema é que se espera a tragédia para fazer algo, sendo que pode fazê-lo sem as tragédias acontecerem.

Temeridade é um substantivo feminino que significa "Coragem imprudente e presunçosa."

motociclista sendo autuado por condução temerária


fonte: Seguridad Vial 

QUAL A CONSEQUÊNCIA? PRIMEIRA PARTE

O trânsito não é mais como era antigamente.  Antes, até pouco tempo atrás, poderíamos dirigir e beber, fumar, comer, andar com as...