terça-feira, 12 de abril de 2011

BEBER E DIRIGIR. CULTURA OU CONDICIONAMENTO?

A doença da nossa era não é a depressão, nem a solidão e nem o isolamento. O mal que aflige os homens modernos é o álcool.
Vivemos a epidemia do álcool. 
Seus relato tem mais de 6000 mil anos, Árabes, Egípcios,  gregos, assírios, entre tantos outros e nós.
Vivemos nos dias em que crianças de 12 anos curtem "ICE", adolescentes "tiram onda tomando energético com Whisky, conhaque, cerveja ou coca cola",  e jovens que bebem de forma desordenada como se fossem experimentados no requisito beber.
O álcool vem de séculos passados e chega ao nosso como um mal aparentemente incontrolável.
Cultura ou é condicionamento o ato de beber e dirigir?     
Depois do surgimento do carro, do poder de status que foi inculcado na mente da sociedade. Automóvel, tornou-se um objeto cultural e acessível a todos.
Cultura ou é condicionamento o ato de beber e dirigir? 
Segundo  Edward B. Tylor,  cultura é  todo complexo que inclui o conhecimento, as crenças, a arte, a moral, a lei, os costumes e todos os outros hábitos e aptidões adquiridos pelo homem como membro da sociedade”. Entendendo assim, que cultura é tudo aquilo adquirido ou aprendido e não herdada por instinto e é transmitido a terceiros do mesmo grupo social, familiar, escolar, etc.
Condicionamento é o ato que através, de um estimulo, gera outro estimulo não condicionado já existente.
Exemplo de que o homem social bebe por causa da cultura do álcool. Mas, não é condicionado a beber só por que viu a bebida na prateleira do bar ou mercado. A propaganda, (seja ela da forma que for) é o estimulo que condiciona o homem a beber ao ver na prateleira do bar a cerveja. 
Então, beber é cultural.  Dirigir é cultural. 
Agora, beber e dirigir não é cultural é condicional
Pela fraqueza da lei, pela negligencia dos pais, pelo descaso do governo. Foi condicionado o ato de bebe  e dirigir na sociedade por causa da impunidade e do sentimento de injustiça.
Quando é isso condicionado ou foi condicionado? Quando vejo que outros bebem (cultura) e dirigem (cultura) e nada lhes acontece. Então, há um estimulo  ao ego em fazer o mesmo pela falta que há de travar este ato.
Educação resolve?
Sim. Pois está esta relacionada com a cultura e condicionamento.
Porém, quero que param de beber e dirigir, (cultura)  Mas, não mudo o condicionamento (o estimulo) ao ato de praticar. 
O estimulo está em toda parte dizendo bebem! Dirigem! Curtem! 
A lei é zero. O estimulo diz: Beba com moderação.
Não há nenhuma intenção de mudar. Pois teria que mudar o sistema


BebidaTeor alcoólicoCalorias (kcal)
Cerveja5%100
Champagne11%170
Saquê38%285
Uísque43%500
Vinho branco12%133
Vinho tinto11% a 14%144
Vodka40%462
Cachaça38% a 56%231
Efeito do álcool no organismo aqui 

Veja matéria ( A gazeta ) sobre acidentes automobilísticos relacionados ao álcool aqui
Lembrando que a lei é zero. E que 0,6 decigramas de álcool no sangue ou mais constitui crime de trânsito.