segunda-feira, 29 de março de 2010


É impressionante como a educação é imposta no Brasil.

O Departamento Nacional de Trânsito - DENATRAN, os Detrans e as prefeituras (no caso de trânsito municipalizado) Gastam milhares de Verbas públicas na intenção de educar o condutor e os futuros condutores a praticar, observar e guardar os preceitos do Código de Trânsito Brasileiro -CTB - para melhor qualidade de vida nossa.
São campanhas Nacionais e Estaduais com mensagem educativas, ensinando a não beber se caso  for dirigir, ter cuidado com a sinalização, cidadania e respeito no trânsito entre outras frases e chamadas educativas que circulam a todo tempo em todos os meios de Informação e comunicação, seja estes meios televisivos ou não.

Mas, parece que os "ícones" Capixabas não pensam deste jeito e falam com toda naturalidade que "furam" semáforo, que falam no celular ao dirigir, que ultrapassam por faixa contínua, que estacionam em lugar proibido, enfim, LEIS QUE OS POLÍTICOS NÃO CUMPREM.

Com esta frase 'LEIS QUE OS POLÍTICOS NÃO CUMPREM' o jornal À Tribuna inicia sua matéria sobre os desleixo pelo CTB por parte dos políticos capixabas (deputados e vereadores) e a falta de educação no trânsito. (Matéria que foi publicada no dia 28 do maio de 2010)

Ora, nas Escrituras que diz que 'Tudo que está escrito é para nosso ensino que está escrito' Assim, tudo que está no Código de Trânsito Brasileiro - CTB, é para o nosso ensino, preservação da vida e saúde.


O INSTRUTOR DE TRÂNSITO E O CREDENCIAMENTO JUNTO AO ÓRGÃO

O CREDENCIAMENTO DO INSTRUTOR DE TRÂNSITO E A RENOVAÇÃO. Em alguns órgãos executivo estadual de trânsito, tem a praxe de todo ano, ...